Menu
21º min
32º min

23/07/2019 às 15h24

Homem estuprou enteada de 9 anos e ofereceu dinheiro pelo silêncio

O corpo da menina foi encontrado no fundo de um vale, no domingo (21), com marcas no pescoço e indícios de abuso sexual.


HOJEMAIS/DA REDAçãO  - HOJEMAIS TRêS LAGOAS 
Foto: G1/Reprodução

Sandro de Jesus Machado, de 25 anos, confessou o crime em depoimento

Sara Manuela Silva de 9 anos, foi encontrada morta no último domingo (21), o corpo dela foi localizado no fundo de um vale. O caso ocorreu em Londrina no norte do Paraná.

 

Sara foi morta pelo padrasto que havia estuprado a criança e tentou comprar seu silêncio oferecendo $5, mas como ela não aceitou o mesmo decidiu tirar a vida da pequena. 

 

Sandro de Jesus Machado, de 25 anos confessou o crime, o corpo tinha marcas de violência sexual e estrangulamento. 

 

“Eu estuprei ela e dei dinheiro para ela não falar, sabe? Só que aí, depois, ela falou que ia falar com a mãe, entendeu?! Aí eu fui e fiz essa loucura de matar', disse Machado.

 

O autor do crime ainda não possui advogado constituído. O mesmo deve ser indiciado por  estupro de vulnerável e feminicídio.