Menu
21º min
32º min

23/08/2019 às 15h10

Depois de surto durante julgamento, Nando é levado para unidade de saúde


midia max
Foto: Henrique Arakaki, Midiamax

Durante o julgamento desta sexta-feira (23), que Nando réu acusado de várias mortes no Danúbio Azul, enfrentava em Campo Grande, Luís Alves teve um surto ao ser retirado do plenário depois de mostrar o dedo do meio para a imprensa, e passou a bater a cabeça contra a parede.

 

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi chamado e ele levado para a unidade de saúde do bairro Tiradentes. Aparentemente, Nando está bem, mas o atendimento será feito por precaução.  Está é a primeira vez que Nando senta no banco dos réus, já que nos outros julgamentos foi por videoconferência.

 

Nando é julgado nesta sexta (23) pelo assassinato de Eduardo Dias Lima, o ‘Eduardinho’, de 15 anos, que foi assassinado em 2015 por furtar garrafas de Nando. O adolescente foi morto asfixiado com uma correia de máquina de lavar roupas.

 

Durante o depoimento, Nando passou a se estapear no rosto dizendo que era assim que apanhava dos policiais, e só por isso confessou aos crimes. Os jurados e algumas pessoas que acompanham o julgamento ficaram assustadas com a atitude de Luís Alves, sentado no banco dos réus. Nando continua a afirmar que o autor de todos os assassinatos seria Jeová Ferreira Lima de 57 anos, o Vasco.

 

Ele teria sido incriminado por manter um relacionamento com Vasco, e por saber de tudo. Nando ainda disse que vai entrar com pedido de indenização por danos morais depois de ficar preso injustamente pelo crime de estupro em 1996.