Menu
21º min
32º min

29/03/2018 às 14h24

Nova Andradina: grávida disse à polícia que vendeu 500 paradinhas de crack

Prisão aconteceu na noite de ontem, na avenida Moura Andrade


Jornal da Nova
Foto: JORNAL DA NOVA

Jovem grávida de dois meses, cujo marido se encontra preso, também foi detida acusada de tráfico de drogas, no final da noite desta quarta-feira (28), por policiais do 8º Batalhão da Polícia Militar de Nova Andradina.

 

 

Katieli Duarte Sales de 18 anos, foi flagrada traficando, após a polícia receber várias denuncias de que havia uma mulher vendendo drogas na avenida Antônio Joaquim de Moura Andrade, próximo a um bar, a suspeita estaria com uma bicicleta Caloi Poti, cor vermelha e vestia short jeans e uma blusa escura com detalhes vermelhos. 

 

 

A suspeita foi localizada pelos policiais e com ela tinha quatro paradinhas de crack, prontas para serem comercializadas, acondicionadas dentro do guidão da bicicleta, ainda na busca, foram encontrados R$ 80.

 

 

Material entorpecente apreendido durante ação policial - Foto: Jornal da Nova

Katieli confirmou que estava vendendo crack, por R$ 15 cada paradinha e afirmou que já havia vendido aproximadamente umas 500 paradinhas. 

 

 

A mulher foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil, mas como não portava nenhum documento, os policiais foram até sua residência, e na procura pelos documentos pessoais, foi encontrado dentro do forno de um fogão a gás, uma meia vermelha contendo aproximadamente 35 paradinhas de crack.

 

 

A jovem não ofereceu nenhum tipo de resistência ou tentativa de fuga e informou que está grávida há aproximadamente dois meses.