Menu
21º min
32º min

28/03/2019 às 14h47

Disputa entre Beto e Rose deve ser resolvida no voto, avalia Marçal


Midiamax
Foto: Divulgação

Parece distante um eventual consenso entre os deputados federais Beto Pereira e Rose Modesto, na disputa pela presidência do diretório regional do PSDB, é o que avalia o deputado estadual Marçal Filho, um dos cinco integrantes da bancada tucana na Assembleia Legislativa.

 

“Se ele dois continuaram com a mesma disposição (de presidir o partido em Mato Grosso do Sul), então (a definição) vai para o voto”, afirmou Marçal, durante a sessão desta quinta-feira (28).

 

Por ora, avalia o deputado estadual, não sinalização que possa indicar eventual consenso entre Beto e Rose, e que a indicação do governador Reinaldo Azambuja, ‘unanimidade’ dentro do PSDB, poderia resolver a questão.

 

Uma resolução interna do PSDB estabelece a próxima segunda-feira (1), como prazo limite para convenções municipais em todo Estado, à exceção de Campo Grande, único município com mais de 500 mil eleitores, cujo prazo se estende até 15 de abril.

 

A convenção regional tucana, que vai escolher a presidência do partido responsável pelo PSDB nas próximas eleições municipais, deve acontecer entre os dias 3 a 5 de maio. A convenção nacional está marcada para 31 de maio de 2019.