Menu
21º min
32º min

07/04/2019 às 20h04

Aquidauanense vence no Morenão e vai à final

Clube do interior disputa o título de novo depois de 8 anos


Correio do estado
Foto: Bruno Henrique/Correio do Estado

Jesus pula e testa para sacramentar a virada: Azulão tira Capital da final do Estadual

Protesto de jogadores, arbitragem polêmica, gol anulado, bola na trave... Elementos não faltaram para fazer de Comercial e Aquidauanense uma semifinal digna do Estadual 2019 neste domingo (7). E, quebrando tabus, o azulão interiorano levou a melhor: venceu por 2 a 1 em pleno Morenão e está na final da competição.

 

A vitória era apenas o que interessava ao time de Aquidauana, depois do empate sem gols entre os mesmos clubes na última quarta-feira (3), na cidade interiorana. Por ter melhor campanha, o Manda Brasa jogava por nova igualdade no marcador nesta tarde.

 

Mas o Azulão buscava mais que uma vaga na final. Buscava também a chance de fazer história. Campeão da Série B em 2018, o clube se torna o primeiro a ser finalista da elite estadual no ano seguinte. 

 

Até então o 'recorde' pertencia ao Chapadão do Sul, campeão em 2009 e que caiu na semifinal em 2010. O Coxim chegou ao título estadual em 2006, mas fora vice da Série B no ano interior.

 

Além disso, um outro tabu cai com a classificação do Aquidauanense. Depois de seis anos Campo Grande ficará sem representantes nas competições nacionais (Copa do Brasil e Série D do Brasileirão), já que campeão e vice são indicados pela Federação para os torneios.

 

A última vez fora em 2013, quando Águia Negra e Naviraiense, respectivamente campeão e vice estadual do ano anterior, foram os representantes nacionais do Estado.

 

O Aquidauanense espera agora pelo vencedor de Águia Negra e Sete de Dourados, que jogam às 17h (de MS), em Rio Brilhante. o Rubro-Negro, clube de melhor campanha do torneio, chega com ampla vantagem, após vencer o duelo de ida por 3 a 1. Data e horário do primeiro jogo ainda serão definidos pela federação.