Menu
21º min
32º min

31/03/2019 às 14h38

GLÓRIA DE DOURADOS: PM prende dois por ameaça e desacato


Deodapolisnews
Foto: Divulgação

Na noite deste Sábado (30), a equipe da Policia Militar de Glória de Dourados realizou a prisão de dois indivíduos pelos crimes de ameaça, injuria, desacato, resistência e desobediência.

 

Conforme apurou o Site Deodapolisnews, segundo consta, a equipe ao realizar a abordagem de um veículo Fia Uno próximo ao Pesqueiro “Duas Anas”, verificou-se que o condutor não possuía CNH e o CRLV estava vencido a mais de 05 (cinco) anos, que dentro do veículo havia uma criança de 05 anos, questionado sobre a criança naquele local e horário, o condutor, um jovem de vinte anos informou que a criança seria filha de sua namorada, e que a criança estaria ali por que a mãe da mesma ainda estava bebendo em um bar próximo ao local, informou ainda que ela estava completamente embriagada.

 

Durante a abordagem a mãe da criança, uma mulher de quarenta e três anos e um homem de quarenta anos (irmão), aproximaram-se da viatura, sendo conhecidos no meio policial por envolvimento em varias ocorrências envolvendo brigas e bebidas. Que a mulher chegou completamente descontrolada, dizendo que ninguém levaria o veículo e que iria quebrar a viatura.

 

Que diante da situação foi encaminhado o veículo para procedimentos administrativos e acionado o Conselho tutelar local, sendo que neste período foi recebida varias ligações no telefone 190 relatando que a mulher estava no meio da rua com mais cinco indivíduos, embriagada e com a criança no colo, colocando em risco a vida da criança, tendo também em momento anterior tentado agredir o segurança do evento.

 

A Viatura juntamente com o Conselho realizou diligências afim de encontra-los, quando que ao perceber a chegada da Polícia, a mulher adentrou em sua residência juntamente com seu irmão e demais, e em ato continuo começaram a falar mal e ameaçar de morte os policiais e conselheiros que ali se encontravam, que a mulher veio a jogar uma telha em direção a viatura, quase atingindo uma das conselheiras que estava próxima.

 


Que diante da agressividade dos indivíduos, e como a Guarnição estava em menor quantidade numérica, foi solicitada apoio da PM Deodápolis, sendo que mesmo assim, ao ser efetuado a prisão, os mesmo resistiram com chutes e socos, sendo usado o uso moderado da força e algemas para conte-los, que a criança foi retirada pelo Conselho e os autores encaminhados para a Delegacia de Policia Civil local para procedimentos cabíveis.




PRIMEIRA PÁGINA